Passeio á Povoa para ver as sereias.

Próxima saída domingo 9 de Abril pelas 8,30 na Paluse,

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

DE LA GUARDIA ATÉ SAMIL E REGRESSO

Sendo eu um adepto das "formulas 1" de duas rodas achei que seria de bom grado, para todos os amantes das gingas, colocar no nosso blog as fotos de um passeio feito por mim e pelo Bigode Rolante até às areias de Samil. Igualmente penso que os BiKeNaTuRaS não me vão puxar as orelhas por eu postear este passeio porque eu sei que eles são uns amantes das boas paisagens.Fica somente como indicação que apanhámos o ferry em Caminha e deleitámo-nos até Samil passando por Baiona.
O Skriba
Foram alcatroados 113 kms

O BiKeNaTuRaS:
e o Bigode Rolante:
  


segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Iº CONVÍVIO DOS BiKeNaTuRaS NA ALBUFEIRA DO AZIBO

A ideia de reunir os BiKeNaTuRaS e os seus familiares surgiu quando estava eu a navegar no site oficial das Ciclovias em Portugal. Deste modo quando sugeri aos restantes BiKeNaTuRaS um passeio à Ciclovia do Azibo despontou de imediato a ideia de um passeio não só para nós cicloturistas mas e sobretudo agarrar esta oportunidade para uma confraternização entre as nossas famílias. Relembro que já houve uma mini-confraternização aquando do PUF com as famílias do Batedor ,do Querqus e da minha. 
Neste Iº Convívio só faltou a Família do Tenor mas tivemos o privilégio de conviver com a do Tino.
Relativamente ao passeio pela Ciclovia do Azibo fica aqui o testemunho que ele pode ser, e deveria ser, percorrido em família visto que o terreno é quase sempre plano. É rico em beleza natural onde os 16 kms desaparecem como um gelado em tempo de calor. O CALOR!!!...Esta palavra tornou-se um horror para mim ao ponto de ter ficado ancorado à espera da carrinha do Batedor. Mas vamos por partes...
Chegados à barragem o Batedor sugeriu que em vez de regressarmos pelo mesmo caminho fizéssemos a outra margem utilizando o "PR - Trilhos dos Quercus".
Aí o Tino decidiu "aventurar-se" nuns regos em terra onde foi catapultado para o pó.
Bem! Este PR não tem nada a ver com a ciclovia! A paisagem é belíssima cheia de "quercus", como indicava o PR, mas o trilho é duro e em certas zonas muito técnico.
Não obstante a dureza do trilho o calor era abrasador e a falta de água provocou a minha desistência. Mas, creio o que me levou à renuncia de pedalar foi a infecção urinária que não deixava a minha "melancia" pousar no selim devido a intensa ardência.
Realço as performances dos BiKeNaTuRaS ao conseguir ultrapassar os obstáculos que surgiram. Deixo aqui o meu agradecimento ao "Querqus" por ter ficado comigo ( os outros também queriam ficar mas bastava um). Para culminar com a "desgraça" tanto eu como o meu parceiro, de infortúnio, ficámos sem telemóveis e sem água. O Batedor deu tudo o que tinha nas pernas para ir buscar a carrinha o mais rapidamente possível e quando o vimos chegar...tinha sido PARA NÓS uma eternidade. Obrigado amigo!
Mas lá chegámos à praia do Azibo onde fomos "parrecar" com os restantes BiKeNaTuRaS.
A partir daí veio o tal convívio entre famílias onde não faltou o repasto habitual nos piqueniques.
Foi um dia excelente com bicla, comida, banhos, jogos e só faltou o Tenor, e a sua dama, para nos encantar com os seus cânticos "afamados". Ficará para a próxima?
Fica já aqui lançado o repto para um II Convívio no qual teremos todo o prazer em contar com a Família Carneiro .
O Skriba